Epur

COZINHA DE VERDADE

 

Depurar. Épurer. Epur. É precisamente nesta ideia de purificar, de privilegiar o essencial, de esquecer os artifícios, que se baseia a cozinha do chef francês Vincent Farges. O novo Epur, no Chiado, no coração lisboeta, é um restaurante fine dining, com uma cozinha simples (mas não fácil), onde “tudo o que é superficial não entra” – numa frase, do chef, “é simplicidade pura no prato”. Um restaurante depurado, tanto na cozinha como na decoração, onde não há lugar para distrações ou artimanhas – “não quero que os clientes se sintam sufocados, quero que se sintam em casa”, reforça Vincent. Aqui, a linha que Farges aprimorou ao longo dos dez anos de Fortaleza do Guincho não se perdeu. Pelo contrário, apurou-se. Aqui, não há espaço para estravagâncias, faz-se “cozinha a sério”, de verdade. É um elevar dos sentidos. De todos os sentidos. E isso começa logo à entrada, que se faz através de uma passagem pouco habitual pela cozinha do restaurante e que depois nos deixa na sala principal onde a primeira surpresa é a vista. Olhamos o Tejo e Lisboa, numa sala plena de luz, alienados da agitação exterior, num ambiente moderno, com mobiliário simples em madeira clara, onde também é possível sentir a herança cultural da cidade, através dos tradicionais azulejos que cobrem a parte inferior das paredes. E o elevar dos sentidos continua, e intensifica-se, quando nos sentamos à mesa do Epur. Frescura, consistência, memórias.
(…)

Publicado na ROOF 16

                       

                         

                        

Texto: Isadora Faustino
Fotos: Luis Ferraz; Isadora Faustino

Epur

Dentro e fora de portas, na ROOF – An IN & OUT Magazine percorremos o mundo para reunir as melhores propostas de arquitetura, interiores, design, cultura e lifestyle.

DESCARREGAR APP MOBILE