Centro de Interpretação do Românico

A visita de M. Hulot.




Projeto pelo atelier de arquitetura Spaceworkers, o Centro de Interpretação do Românico é um lugar que nos remete para os edifícios da época, para a sua monumentalidade, e para a importância da rua – daí o volume central que funciona como claustro e liga a todos os outros espaços. É também um espaço em que se privilegia a entrada de luz natural. Este projeto é descoberto por M. Hulot, uma das reconhecidas personagens de Jacques Tati, que presta atenção a cada recanto, a cada textura e que nos guia pelo espaço neste filme da produtora Building Pictures. M. Hulot leva consigo quem vê o filme, despertando curiosidade para o espaço visitado. Pretende-se, assim, reconhecer o românico em Portugal, interpretado na contemporaneidade pelos arquitetos da equipa Spaceworkers, em Lousada.





Texto
IM
Vídeo e imagens
Building Pictures

Web
Spaceworkers
Building Pictures

Dentro e fora de portas, na ROOF – An IN & OUT Magazine percorremos o mundo para reunir as melhores propostas de arquitetura, interiores, design, cultura e lifestyle.

DESCARREGAR APP MOBILE