You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.

Centro Internacional das Artes José de Guimarães

Revista Arte + Cultura | 14 Set 2018

Há muitos tipos diferentes de sítios especiais, que nos encantam por um ou outro motivo ou por muitas razões em simultâneo. Às vezes nem sabemos exatamente o que nos chama a atenção, o que nos emociona, mas acontece e ficamos de tal maneira cativados que nos permanecem na memória e no pensamento pelo tempo fora. Em Guimarães descobrimos vários espaços assim, que guardamos como tesouros, mas agora é tempo de dar a conhecer um local em particular.
O Centro Internacional das Artes José de Guimarães (CIAJG), um projeto do gabinete Pitágoras Arquitetos, nasceu da revitalização daquela que era a zona do Mercado Municipal, na cidade de Guimarães, e da aposta num espaço cujo programa fosse dedicado às artes e à cultura. Um templo de Arte Contemporânea por excelência, o Centro alberga uma coleção permanente e exposições temporárias. O segundo ciclo expositivo de 2018 dedicou-se, essencialmente, a dois reconhecidos artistas portugueses: Julião Sarmento, com Leopard in a Cage, que engloba projetos nunca antes desvendados, e Pedro A.H. Paixão, que foi desafiado a expor em interação com a coleção permanente do Centro, através de Mundo Flutuante.
Muito mais que um museu, o CIAJG não se limita à História. Como Pedro A.H. Paixão nos diz, aqui podemos “olhar para o passado como ele é, em domínio aberto”.
(...)

Publicado na ROOF 16

 

 

 

Texto: Inês Mendes
Fotografia: João Morgado; Cátia Fernandes; Inês Mendes

CIAJG

Para ler o artigo completo assine a ROOF - An IN & OUT Magazine na versão em papel ou digital

Subscrever a Revista

Relacionados

Teresa Freitas

Revista Arte + Cultura

Luis Dourado

Revista Arte + Cultura

Aowen Jin

Revista Arte + Cultura
portugal 2020